• Colo Cumaru

Um minuto para o autocuidado

Um minuto pode fazer a diferença na rotina de autocuidado



Um minuto de meditação faz a diferença na rotina de autocuidado
Foto: Tsvetoslav Hristov (Unsplash)


É comum ouvir que a rotina diária agitada não deixa tempo para o autocuidado. Até mesmo pessoas que estão em teletrabalho encontram dificuldades para abrir espaço em sua agenda para cuidar de si.


São várias as ações que cada pessoa pode tomar para promover a melhor qualidade de vida para si mesmo. As orientações de especialistas nas suas diversas áreas de atuação sempre reforçam a necessidade:

  • da prática regular de exercícios;

  • da alimentação saudável;

  • do cultivo da espiritualidade;

  • de uma boa noite de sono;

  • de manter a atividade social prazerosa,

  • de meditação, entre outras.


De todas as orientações acima, a meditação talvez seja uma das atividades mais difíceis para nós, ocidentais, mas a maior dificuldade está em começar. Meditar não exige experiência anterior, requer treino, dedicação e, principalmente, vontade de iniciar.


Os benefícios da meditação são muitos e já difundidos: reduz o estresse; controla a ansiedade; melhora a memória; desenvolve o foco nas atividades; melhora a qualidade do sono. Meditar também ajudar a ter uma maior percepção sobre a nossa mente, sobre o momento presente.


Um minuto para meditar


Conscientes da importância do autocuidado e da potência da meditação, pode-se iniciar devagar. Circula há alguns anos no Youtube, o vídeo da empresa norte-americana One Moment Company, que mostra como meditar em um minuto. É possível ver que esse minuto pode fazer a diferença em muitas situações. Em um minuto, você para, respira e muda o estado mental de forma rápida.





Quantas vezes, ao longo de um dia, essa técnica pode ser utilizada? O vídeo apresenta algumas situações, chamadas de “minuto portátil”, nas quais esse minuto pode ser útil como em filas longas ou reuniões cansativas, por exemplo. Autocuidado na prática.


Cuidadores profissionais ou não profissionais e profissionais da saúde podem se apropriar do “minuto portátil” ou “minuto de emergência” diante de situações desgastantes. Não é difícil imaginar quantas vezes em uma manhã de trabalho, fatos que exigem uma atenção maior ou que causem um desgaste emocional ocorram com essas pessoas. Parar para meditar por um minuto pode trazer de volta o equilíbrio a paz interior necessário seguir adiante.



 

Alguns aplicativos com várias opções de meditação:

. Calm

. Headspace

. Insigth Timer

. Lojong

. Meditopia


 

Juliana Toscano

Aquela que dá colo

Jornalista

PaliAtivista

Sentinela – Guardiã de Fim de Vida



17 visualizações0 comentário